Postado em 05 de setembro, por NOMAD

Nomad

Catar: o que você precisa saber sobre a sede da copa do mundo 2022?

Você já deve saber que o Catar vai sediar a Copa do Mundo de 2022, mas o que muitos brasileiros ainda não sabem é que existem diversas informações interessantes sobre o país!

Com a notícia do Catar ser o primeiro país do Oriente Médio a sediar a Copa, o país se tornou o destino mais procurado pelos amantes de futebol que gostam de conhecer novas culturas.

Além disso, viajar para o Catar dá a possibilidade de hospedar-se em alguns dos melhores hotéis do mundo e desfrutar da culinária peculiar, influenciada pelos costumes africanos.

Então, se você quer viajar para o Catar para curtir a Copa do Mundo in loco, esse é o artigo perfeito! 

Separamos informações importantes que deverão ser levadas em consideração no planejamento da viagem e também curiosidades sobre o país mais rico do mundo. Além disso, dicas sobre as cidades-sede dos jogos, que não podem ficar de fora da sua rota, e vários toques que daremos para facilitar a sua viagem!

Como o Catar se organiza atualmente?

O Catar está localizado na Ásia Ocidental, na Península Arábica e estende-se até o norte do Golfo Pérsico. Atualmente, o país é considerado como um emirado, pois seu território é administrado por um membro da classe dominante, no caso um emir.

A próxima sede da Copa do Mundo tem aproximadamente 2,7 milhões de catarianos, como são chamados os habitantes.

Como o Catar virou um ponto turístico mundialmente famoso?

No começo dos anos de 1940, o Catar virou um alvo da exploração do petróleo e do gás natural, fato que alavancou e consolidou a sua economia. Atualmente, o país é um dos mais ricos do mundo e possui uma das menores cargas tributárias, segundo o Relatório Global de Competitividade.

A capital Doha é a cidade mais populosa do emirado e concentra mais da metade da população. Cercada de edifícios luxuosos, o clima por lá não é nada fácil de lidar e, no verão, os termômetros registram marcas altíssimas, próximas de 45ºC!

Aliás, existem mais algumas curiosidades sobre o Catar Veja só:

  • o Catar é um dos lugares mais seguros do mundo, com probabilidade de ocorrer desastres naturais quase inexistente, muito por conta de sua localização privilegiada (protegida pelo Golfo Pérsico);
  • acampar é uma atividade muito popular no país, independentemente do destino (praia ou no deserto). Um dos lugares mais escolhidos pelos turistas para acampar é a Sealine Beach, em Mesaieed;
  • a corrida de camelos robôs é um dos esportes em ascensão no país.

Continue lendo nosso artigo, pois, se você pretende viajar para assistir a Copa do Mundo 2022, existem informações bem importantes que todo brasileiro precisa saber antes de ir para o Catar!

O dia a dia no Catar: o que o brasileiro precisa saber?

Poucos eventos mexem tanto com o brasileiro quanto a Copa do Mundo. A cada 4 anos, toda a população brasileira se une em prol de um único objetivo e o clima festivo toma conta do país. 

Porém, existem aqueles que gostam de assistir ao mega evento in loco e costumam viajar para os países sede. 

De tempos em tempos, como agora em 2022, a Copa do Mundo é sediada em uma região de costumes bem diferentes dos nossos. Portanto, há uma certa cartilha de regras para se seguir.

Os brasileiros que pretendem viajar para o Catar vão mergulhar em uma nova cultura. Um país com costumes e tradições tão diferentes das nossas merece uma atenção especial nos preparativos da viagem.

Por isso, para te ajudar, a Nomad preparou um compilado com dicas bem legais para evitar complicações no Catar! Antes de começarmos com as dicas, é importante entender que o país está em um processo de modernização e se abrindo cada vez mais para o ocidente.

As vestimentas no Catar e o que se espera dos turistas

Um ponto que merece atenção são as vestimentas: roupas curtas ou decotadas são terminantemente proibidas. Por lá, as mulheres usam túnica preta (abaia) com lenço (hijab), enquanto os homens se vestem com túnica branca (thoub)

Os estrangeiros não precisam dessas indumentárias, mas devem se vestir com trajes discretos, que cubram os joelhos, ombros, colo e barriga.

Ainda falando sobre as vestimentas apropriadas, os brasileiros no Catar precisam saber que nas praias públicas do país é proibido usar trajes de banho, como sunga, biquínis e maiôs. 

Tendo em vista essa proibição, é recomendado usar ao menos uma camiseta, para cobrir o colo ou os ombros, e uma bermuda até o joelho.

Já nas praias privadas dos hotéis, os nossos habituais trajes de banho estão liberados.

Como se comunicar no Catar?

Costuma assustar num primeiro momento, mas no Catar toda a sinalização de trânsito, placas e outdoors, estão escritas em árabe. 

Mesmo com essa predominância árabe, o inglês é falado por grande parte da população, principalmente por aqueles que trabalham com o turismo. 

Além disso, no período da Copa do Mundo todas as placas de sinalização ou avisos serão traduzidas para o inglês.

Como se alimentar no Catar?

Abundante em grãos, legumes e temperos, as comidas típicas do Catar estão longe de se resumir a esfirras e quibes. As refeições no país são super importantes no dia a dia das famílias catari e representam união, gratidão e partilha.

Por isso, apesar da enorme influência desta culinária milenar, a gastronomia não se restringe apenas à culinária árabe. 

A comida típica do Catar é uma mistura de sabores árabes mas também de toda a Ásia, com influências muito fortes, principalmente da cozinha indiana, iraniana e libanesa.

É importante salientar que os brasileiros no Catar não passam por dificuldade na hora de se alimentar. O país possui grande tradição portuária e tem uma ligação histórica com a pesca, sendo assim, com constância encontramos peixes e frutos do mar nos cardápios locais.

Dicas de etiqueta para os estrangeiros

Não só os brasileiros, mas os turistas de todas as nacionalidades que pretendem visitar o Catar durante a Copa do Mundo precisam entender que estão em uma realidade diferente do que vivemos no Ocidente. 

Alguns costumes específicos precisam ser respeitados. Confira esses exemplos: 

  • Consumo de bebidas alcoólicas

Por exemplo, mesmo com o consumo de bebida alcoólica permitido no Catar, essa permissão é específica para locais licenciados. 

Ou seja, só é permitido beber basicamente nos bares e restaurantes de alguns hotéis. 

Também não é permitido entrar no país com álcool e causar transtornos em locais públicos por estar embriagado é crime.

  • É proibido fumar no Catar

O hábito de fumar tem de ser controlado no Catar, pois em ambientes públicos, seja aberto ou fechado, é proibido. Também é proibido entrar no país portando cigarros convencionais ou eletrônicos.

  • Água potável em todo o país

Um ponto interessante é que a água vinda diretamente da torneira é potável. Ou seja, está liberado bebê-la sem preocupações.

Cuidados necessários antes de viajar para o Catar

Já estamos salientando durante esse texto que quando visitamos um país, claro que queremos conhecer mais sua cultura, mas, também é preciso respeitar o novo, o diferente. 

Então, veja mais algumas dicas em relação às documentações e burocracias que são necessárias enfrentar na hora de visitar o Catar.

Esquema de vacinação obrigatório

Com a proximidade da Copa do Mundo, o Catar atualizou as regras de entrada no país e uma das mais importantes é a da vacinação.

Para entrar no país o turista precisa estar com o ciclo vacinal completo, seja com as duas doses ou dose única no mínimo 14 dias antes da viagem e no máximo há 9 meses após tomar a última (ou a única) dose. 

As vacinas totalmente aceitas no Qatar são a Pfizer BioNTech, Moderna, Oxford/Astrazeneca, Coronavac e a Janssen/Johnson & Johnson.

É obrigatório portar o certificado de vacinação do Conecte SUS em inglês. O app oferece a opção de emissão do certificado em três idiomas: português, inglês ou espanhol.

Não vacinados também podem viajar para o Qatar. Entretanto, é preciso apresentar um teste negativo do tipo RT-PCR antes do embarque na sua origem, realizar a quarentena obrigatória de 5 dias e fazer um teste rápido do tipo Antígeno no quinto dia.

Documentação necessária para viajar para o Catar

Além dos testes e certificados de vacinação, obviamente há a necessidade de um passaporte válido para a entrada no país.

A partir daí é necessário enviar os documentos abaixo ao Etheraz, o site do governo responsável pela emissão de liberação de entrada. 

Primeiramente, é preciso fazer um cadastro rápido e em seguida inserir todos os dados da sua viagem no mínimo 12 horas antes do seu embarque. 

Veja quais são os documentos exigidos:

  • Cópia do passaporte (a parte que contém os seus dados e a sua foto);
  • Certificado de Vacinação em inglês;
  • Resultado do exame do tipo RT-PCR com resultado negativo;
  • Cópia da reserva do hotel no Catar.

Após realizar o procedimento, os seus dados serão analisados e uma autorização de viagem será emitida. O documento deverá ser apresentado tanto no check-in quanto na chegada ao país.

Para ir ao Catar os brasileiros não precisam de visto!

Um acordo celebrado entre os dois governos trouxe essa benesse, a partir disso, os brasileiros não precisam de visto para entrar no país. 

De acordo com o Ministério do Interior Catariano, os cidadãos do Brasil recebem um visto de entrada gratuito válido por 30 dias, podendo ser prorrogado por mais 30. 

As únicas exigências são um passaporte com validade maior do que seis meses e uma passagem de saída.

A Copa do Mundo no Catar

A primeira Copa do Mundo a ser realizada no Oriente Médio não é precursora apenas nisso, essa será a primeira que ocorrerá durante os últimos meses do ano – o torneio costuma ser disputado em junho e julho.

Aliás, se o torneio fosse realizado no período original, as partidas seriam disputadas em temperaturas superiores a 40°C e possivelmente chegando a 50°C.

O Catar construiu sete estádios especificamente para o torneio e até uma cidade totalmente nova para sediar a partida final.

Além disso, o país investiu na construção de mais de 100 novos hotéis, um metrô e novas estradas também estão sendo construídas. O comitê organizador do torneio estima que 1,5 milhão de pessoas estarão no país para a Copa do Mundo.

Quais são as cidades sede da Copa do Mundo do Catar?

Para os brasileiros que estão de malas prontas para o Catar, essa parte do artigo é bem interessante! 

Agora você vai descobrir quais são as cidades sede da Copa do Mundo e quais não podem ficar de fora do seu passeio! 

E olha, anote todas as dicas que daremos para facilitar a sua viagem!

Doha

Além de capital do país, Doha também é a principal cidade do Catar. Um influente centro comercial do oriente médio, a cidade é a porta de entrada do país. 

Seja para quem chega através do moderno porto ou do Aeroporto Internacional Hamad, hub da Qatar Airways, a companhia aérea nacional e uma das maiores e mais importantes companhias aéreas do mundo.

Em Doha, os estádios construídos para a Copa do Mundo são: 

  • Khalifa International Stadium (construído na Education City em Al Rayyan, porém, pertence a Doha);
  • Ras Abu Aboud Stadium;
  • Al Thumama Stadium.

Lusail

Demonstrando toda a sua capacidade de investimento, o Catar construiu uma moderna cidade do zero, Lusail! A cidade será palco dos jogos de abertura e encerramento da Copa do Mundo

Construída com um investimento equivalente a 175 bilhões de reais, a cidade será o grande legado que a Copa do Qatar deixará para a sua população.

  • Lusail Stadium

Al Khor

Entre as sedes da Copa do Mundo, Al Khor é uma das sedes mais antigas e também a mais distante da capital Doha, cerca de 50 km que separam as duas cidades.

Atualmente a cidade é uma das bases para os trabalhadores do Campo do Norte, onde fica a terceira maior reserva de gás natural do mundo e já vive o rápido desenvolvimento por conta da Copa do Qatar.

  • Al Bayt Stadium

Al Rayyan

Se Al Khor está distante de Doha, Al Rayyan está bem mais próximo do que se imagina! 

Basta atravessar uma rua que o turista muda de município, esta é a proximidade entre a capital do Catar e uma das cidades sede e um dos mais importantes pólos esportivos do oriente médio.

A cidade onde vivem cerca de meio milhão de habitantes, com uma área de 893 km é também o maior município do país em área.

  • Education City Stadium
  • Ahmad Bin Ali Stadium

Al Wakrah

Al Wakrah foi fundada em 1828 e ganhou notoriedade no Oriente Médio por ser um dos pólos de extração de pérolas do Catar até os anos 40, antes mesmo da descoberta do petróleo.

A sede está 17 km distante de Doha e para a Copa do Mundo, o Al Janoub Stadium teve seu projeto inspirado antiga na atividade catari,  um projeto da premiadíssima arquiteta Zaha Hadid.

Vai visitar o Catar na Copa do Mundo? Pode contar com o Concierge Nomad!  

Para quem está de malas prontas para o Catar para ver a Copa do Mundo, esse próximo trecho do nosso guia é super interessante!

Funcionando como um verdadeiro serviço de concierge, essa nova ferramenta da Nomad é perfeita para quem precisa daquela ‘mãozinha’ em um destino que não seja tão familiarizado.

Dá só uma olhada nas dicas que o Concierge Nomad preparou:

Do aeroporto para o centro de Doha em poucos minutos

A principal porta de entrada do Catar é o Aeroporto Internacional Hamad em Doha, capital do país. Aliás, a distância do aeroporto é de 14km do centro da cidade com localização privilegiada e fácil acesso.

Facilitando o deslocamento a partir do aeroporto, os brasileiros no Catar podem contar com o novíssimo metrô, ônibus, táxi, Uber e serviços de transfer.

  • Metrô em Doha

A obra recém inaugurada para a Copa do Mundo faz uma ligação extremamente ágil entre o aeroporto e a cidade.

O Aeroporto Internacional Hamad é atendido pela linha vermelha (red line) que faz a viagem até a estação Msheireb no centro da cidade em cerca de 20 minutos. Nesta estação é possível fazer a integração com as linhas verde (green line) e dourada (golden line)

Inclusive, a linha vermelha segue até Lusail, uma das cidades sede da Copa do Mundo e passa por West Bay, onde existe uma grande concentração de hotéis. Contudo, para quem escolher se hospedar na região do Souq Waqif, basta fazer a conexão com a linha dourada na estação Msheireb. 

O metrô de Doha é muito barato, o single ticket que vale para uma viagem custa 2 Rials (R$ 2,90 ou 0,47 EUR). Já o day pass que vale para um dia inteiro custa 6 Rials (R$8,71 ou 1,40 EUR).

  • Ônibus em Doha

Existem diversas linhas que conectam o Aeroporto Internacional Hamad à cidade de Doha. Uma curiosidade é que tirando a linha 109, todas remetem aos nomes de aviões da Boeing – o que facilita a memorização e identificação dessas linhas: 109, 777, 747 e 757

O preço da passagem varia entre 2 e 6 Rials (R $2,90/0,47 EUR ou R$8,71/1,40 EUR).

  • Táxi em Doha

Os brasileiros no Catar devem ter cuidado ao desembarcar em Doha. Logo serão abordados por uma multidão de taxistas – que devem ser ignorados.

Se você pretende fazer a viagem do aeroporto de Doha até o centro da cidade, opte pelos táxis oficiais do aeroporto, assim você evita os preços abusivos.

  • Uber em Doha

Esse é um serviço que funciona muito bem em Doha! Quem for visitar a capital catari na Copa do Mundo pode contar com o Uber como uma opção econômica e segura.

A viagem do aeroporto de Doha até o centro da cidade vai custar cerca de 60 Rials (R$ 87 ou 14 EUR).

Uma dica importante: ao chamar o Uber, certifique-se de colocar no aplicativo o nome correto do aeroporto “Hamad International Airport“, pois este aeroporto substituiu o antigo aeroporto de Doha, que hoje funciona como base militar. 

Contudo, ambos os aeroportos são vizinhos e podem confundir os visitantes.

  • Serviço de Transfer em Doha

O transfer contratado através do seu hotel pode ser uma ótima opção para ir do aeroporto de Doha até o centro da cidade. 

O preço varia conforme o hotel e o destino, entretanto o preço médio é de 55 Rials (R$79 ou 12 EUR)

Outra vantagem do transfer é ter um funcionário do hotel esperando pelos passageiros com uma plaquinha nominal no desembarque do aeroporto.

Bebidas e pratos típicos do Catar

A culinária presente em Doha é de uma diversidade gastronômica tão grande que em certos momentos pode até ser difícil encontrar pratos típicos do Catar por lá.

Entretanto, os brasileiros no Catar podem acreditar que vale a pena o esforço de procurar restaurantes tradicionais para experimentar uma culinária incrível, que vai de ensopados caseiros saudáveis até sobremesas delicadas.

Ao longo dos séculos, a gastronomia do Catar foi influenciada pelas regiões do Levante, Norte da África e subcontinente indiano, além da cultura nômade beduína. O resultado é um conjunto de sabores complexos, que une técnicas de cozimento lento à rica mistura de especiarias. 

Pensando nisso, o Concierge Nomad preparou uma lista dos pratos típicos mais deliciosos do Catar e como encontrá-los em Doha:

  • Majboos no Al Manchab

Como o majboos é o prato nacional do Catar, você precisa experimentá-lo quando visitar Doha! 

Em geral feito com cordeiro ou frango, o prato é cozido bem lentamente para aprofundar o sabor. É servido sobre arroz temperado, acompanhado de salada e molho de tomate caseiro.

Você pode provar esse prato em praticamente qualquer lugar que sirva a culinária do Catar em Doha, mas se quiser algo especial, vá ao Al Manchab. 

Esse restaurante chique serve um majboos perfumado, cozido lentamente à perfeição e coberto com alecrim. A decoração aconchegante, com bancos almofadados e retratos de família, oferece autenticidade e dá a total sensação de estar em um típico restaurante catari.

  • Kunafa com queijo no Al Aker Souq Waqif

Para quem gosta de uma boa sobremesa, o Kunafa com queijo disponível no Al Aker Souq Waqif é excelente opção! 

Com um ar simples, mas muito aconchegante, fica bem no meio do Souq Waqif e tem a sobremesa disponível em qualquer época do ano. Aliás, a iguaria é uma sobremesa tradicional muito doce e apreciada em todo o Oriente Médio.

Feita de uma massa bastante açucarada e queijo derretido, é uma opção muito gostosa de achar e de experimentar!

  • Autêntico café arabe no Shay Al Shoomos

Beber um autêntico café arabe é uma verdadeira experiência olfativa!

Preparado a partir de grãos verdes selecionados, ele tem a adição de especiarias como açafrão, cardamomo, cravo e folhas secas de shaiba, uma erva aromática natural do Oriente Médio.
E combinar essa experiência com um café da manhã catari ‘raíz’ é sensacional! E pode ser feito no Shay Al Shoomos, um point muito frequentado pelos locais, inclusive por membros da família real.

Principais atrações turísticas

A charmosa Doha não tem sua beleza apenas nos arranhas-céus ou nas imponentes construções contemporâneas, a capital tem um lado histórico que pode ser apreciado em mercados tradicionais como o Souq Waqif ou no impressionante Museu de Arte Islâmica.

Há também uma programação interminável de festivais culturais durante todo o ano.

  • Souq Waqif

O tradicional mercado conta com várias lojas, cafés e restaurantes que se alinham em um labirinto sinuoso de ruas estreitas e becos. 

Por lá você pode passear pelas lojas de barro e conhecer as joias, incenso, especiarias, antiguidades e roupas tradicionais do Catar.

  • Pérola – Catar

Conseguiu um intervalo entre os jogos da Copa do Mundo? Conheça a Pérola-Catar!

Um dos destinos mais populares, essa ilha artificial de quase dois quilômetros quadrados que ostenta torres residenciais, marinas, lojas de luxo, hotéis cinco estrelas, moradias, cafés, passeios e restaurantes finos.

  • Museu de Arte Moderna Mathaf Arab

Os brasileiros no Catar que quiserem se aprofundar na cultura local, têm no Museu de Arte Moderna Mathaf Arab mais de nove mil obras celebrando a arte moderna e contemporânea do Catar, do Oriente Médio e de regiões conectadas à Península Arábica – como Irã, Turquia e Índia.

A Nomad facilita a sua viagem para o Catar!

A moeda que circula no país é o rial catarense, inclusive, ela está atrelada ao dólar americano e a cotação varia muito pouco. 

Aproximadamente 1 dólar americano equivale a 3,64 riais catarenses.

Mas por ser uma moeda de baixa circulação, sair do Brasil com riais em mãos será difícil. 

Por isso, leve para sua viagem moedas de maior circulação, como o dólar. Uma opção interessante para ter mais facilidade na sua viagem é usar um cartão de débito internacional – como é o caso da Nomad uma conta global.

Aproveite sua viagem ao máximo com a Nomad

Com a Nomad, você pode curtir por inteiro a sua viagem ao Catar, torcer pela Seleção e curtir a Copa do Mundo sem preocupações!

Sabe como? Com a nossa conta corrente global e um cartão débito físico ou virtual que oferece total liberdade e facilidade nas suas viagens! 
Baixe nosso app e aproveite os benefícios de ser global com a Nomad!


CONHEÇA NOSSAS MÍDIAS SOCIAIS


© 2022 NOMAD. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Juntos com a Nomad

Synapse Drive Wealth logo ourinvest logo fram capital