Postado em 25 de julho, por NOMAD

Nomad

O que é melhor: guardar dinheiro em dólar ou em real?

De tempos em tempos, a moeda brasileira passa por desvalorizações significativas frente ao dólar. Essas oscilações podem acarretar perdas consideráveis quando brasileiros precisam transformar seu dinheiro em moeda estrangeira. Para minimizar essas perdas, muitos optam por guardar dinheiro em dólar para fugir da desvalorização da moeda nacional.

Afinal, o mercado financeiro dos Estados Unidos é reconhecido mundialmente como um dos mais estáveis e promissores, tendo o dólar como a moeda universal. Por esses e outros motivos, pode ser mais vantajoso guardar dinheiro em dólar, do que em real.

Guardar dinheiro em dólar

Por ser uma moeda atrelada a uma economia forte e estável, guardar dinheiro em dólar representa a possibilidade de ter rendimentos mais satisfatórios em comparação com o real. 

Com as facilidades que a tecnologia proporciona, como a possibilidade de ter uma conta global na Nomad, essa alternativa pode gerar:

  • proteção do patrimônio;
  • lucros em uma moeda valorizada;
  • segurança no investimento.

De olho na cotação do dólar

O real é uma das moedas que mais perderam valor no mundo em 2020, de acordo com levantamento encomendado pela CNN Brasil Business

Já o ano de 2021 teve um avanço de 7,36% durante os 12 meses, com o cenário macroeconômico marcado pela baixa credibilidade fiscal doméstica e redução dos indicadores de crescimento nas principais economias do mundo.

Fatores políticos e econômicos têm grande impacto em relação à cotação da moeda. Ainda no início do segundo semestre de 2022, com o debate sobre a saúde fiscal do país, diante da tramitação da PEC que prevê gastos extraordinários com medidas de auxílio social, a moeda chegou a bater R$ 5,40. Uma alta de 15,87% quando comparado à menor cotação do ano, que foi em abril, quando 1 dólar valia de R$ 4,66.

Isso significa que, quem começou a guardar dinheiro em dólar no mês de abril, conseguiu uma valorização de 15,87% do seu investimento nesse período.

Mais segurança ao guardar dinheiro em dólar

Além de poder proporcionar uma rentabilidade maior em relação ao real, quem decide guardar dinheiro em dólar também tem a possibilidade de  uma maior proteção da própria reserva.

Em um cenário de estabilidade, o dólar tende a apresentar uma variação pequena ao longo do tempo. Mesmo que a Bolsa de Valores caia, por exemplo, ou o real desvalorize, parte da renda estará segura com o dólar. 

Justamente por isso, alguns investidores recorrem à moeda americana como uma maneira de proteger o próprio dinheiro. 

Mais facilidade nas transações

Outra vantagem de guardar dinheiro em dólar é a facilidade que você terá em realizar compras e transações sem precisar fazer conversões e, consequentemente, sem estar exposto à exchange rate variation (variações do câmbio) e a imprevisibilidade que ela pode lhe trazer.

Esse é um diferencial muito vantajoso para empresários e pessoas que realizam transações regulares em moeda estrangeira, como pais que têm filhos no exterior, pessoas que viajam com frequência ou até mesmo quem faz investimentos fora do Brasil.

Nesses casos, ter uma reserva em dólar é sempre a opção mais cautelosa, pois evita que as oscilações do mercado causem prejuízo.

Como guardar dólar e fazê-lo render

Como vimos, guardar dinheiro em dólar  pode trazer oportunidades de rentabilidade. Para acelerar esse processo e aumentar o montante guardado, os investimentos no mercado norte-americano são opções, também, muito vantajosas. Existem inúmeros caminhos: 

  • aplicações em fundos cambiais, 
  • investimento na Bolsa de Valores;
  • compra de ações de empresas estrangeiras.

Investir em moeda estrangeira também pode ser uma forma de diversificar os investimentos. Tendo uma conta digital global, é possível guardar dinheiro em dólar e fazer seus investimentos no exterior com mais facilidade e sem burocracias. 

Como guardar dinheiro em dólar?

Rentabilidade, segurança e praticidade são algumas das principais vantagens de guardar dinheiro em dólar. Com a ajuda da tecnologia, hoje é possível fazer isso com poucos cliques: basta você ter uma conta digital global.

Onde guardar dólar, então? A conta digital em dólar da Nomad é uma conta bancária que tem seu funcionamento na moeda americana. Dessa forma, ao enviar dinheiro para fora do Brasil, a operação é feita diretamente na moeda americana, não sendo necessário fazer a conversão cambial do dinheiro que está na conta.

Outra vantagem é que as transações ficam muito mais baratas. As operações com um cartão pré-pago pagam um IOF abusivo de 6,38% sobre cada valor movimentado, mesma alíquota destinada às compras internacionais com cartão de crédito.

Nas contas em dólar, o valor do IOF cai para 1,1%, cobrado no momento em que o depósito feito em reais é convertido para a moeda estrangeira. 

No aplicativo, você pode ver a cotação atual do dólar e acompanhar seus investimentos. Além disso, quem utiliza uma conta Nomad para guardar dinheiro em dólar não precisa arcar com a cotação do dólar turismo cobrada pelas casas de câmbio, pois as transferências de reais para a conta internacional são feitas com base no câmbio do comercial, diminuindo os custos de fazer uma transação no exterior.  

A Nomad é a única que oferece uma conta sediada nos Estados Unidos e é assegurada em até 250 mil dólares pelo FDIC. Todos os dados da sua conta são acessados de forma simples no próprio aplicativo, garantindo muito mais economia, mobilidade, estabilidade e segurança para você guardar dinheiro em dólar e aproveitar todas as vantagens que isso pode oferecer.


CONHEÇA NOSSAS MÍDIAS SOCIAIS


© 2022 NOMAD. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Juntos com a Nomad

Synapse Drive Wealth logo ourinvest logo fram capital