Postado em 21 de julho, por NOMAD

Investimentos

Indicador ROE: o que significa e como analisar ao investir?

Indicadores financeiros como o ROE são ferramentas de análise importantes tanto para os negócios quanto para os investidores. Com esses dados, as empresas conseguem orientar suas decisões de mercado. Já quem investe pode avaliar melhor as oportunidades para compor a própria carteira, por meio da análise fundamentalista.

Nesse sentido, ao saber o que significa ROE, você conhecerá um dos indicadores financeiros mais relevantes do mercado financeiro. Assim, entender como ele funciona permite incorporá-lo à sua estratégia de investimentos com mais efetividade.

Quer descobrir o que significa ROE e como ele pode interferir em sua análise de investimentos? Neste artigo, você descobrirá a resposta. Confira!

O que significa ROE e para que ele serve? 

Sigla para return on equity, o ROE também é conhecido como retorno sobre patrimônio líquido. Na prática, ele serve para medir a quantidade de resultados que uma empresa é capaz de gerar a partir do patrimônio que ela possui.

Para calcular o ROE, é necessário usar a seguinte fórmula:

ROE = Lucro líquido / Patrimônio líquido

Nessa equação, ambos os fatores devem fazer referência ao mesmo período. Então, se você analisar o lucro líquido dos últimos 12 meses, é preciso considerar o patrimônio líquido nesse prazo.

Além disso, o patrimônio líquido corresponde ao resultado dos ativos financeiros (como bens e recursos) menos as obrigações financeiras (como contas a pagar). Por fim, o lucro líquido é calculado pela receita total menos os custos fixos e variáveis.

Qual é a importância do ROE?

Agora que você sabe o significado do ROE e como ele é calculado, é preciso compreender a sua relevância. Entre as informações que ele oferece, está a capacidade da empresa em gerar valor com base no que ela dispõe de patrimônio.

Dessa forma, você consegue entender o nível de saúde financeira do negócio e quais são suas perspectivas para o longo prazo. A análise é especialmente importante para investidores que seguem estratégias com foco em renda passiva ou valorização do ativo no longo prazo.

Ademais, ao fazer a análise do indicador, é possível mitigar parte dos riscos. Isso porque você consegue escolher empresas com maiores chances de gerar resultados positivos. 

Além disso, o ROE pode ajudá-lo a avaliar e comparar as oportunidades disponíveis no mercado de ações. Logo, a métrica pode orientar sua tomada de decisão no momento de investir na Bolsa de Valores.

No caso do investimento em ações em uma das Bolsas americanas, usar os indicadores como o ROE é ainda mais relevante. Afinal, há milhares de empresas disponíveis, exigindo critérios objetivos para fazer avaliações e tomar a melhor decisão. 

Como analisar o ROE de uma empresa listada na Bolsa de Valores? 

Até aqui, você aprendeu sobre a importância e o funcionamento do ROE. O próximo passo é entender como ele pode ser utilizado na análise fundamentalista de uma empresa e ajudar a compor a sua carteira de ações.

As informações necessárias para fazer o cálculo costumam ser apresentadas no balanço patrimonial — e toda companhia deve divulgá-lo periodicamente. Com o documento, você tem acesso a dados confiáveis e pode focar em analisar os resultados de modo estratégico.

Uma das formas de incorporar o ROE em sua análise é fazendo um acompanhamento da evolução do indicador. Ao comparar o retorno sobre patrimônio líquido atual com o resultado de anos anteriores, por exemplo, você saberá como o indicador tem se comportado.

Desse modo, é possível verificar se o negócio tem se desenvolvido ou se seu indicador financeiro está em declínio. Também pode ser interessante utilizar o ROE como parâmetro de comparação entre companhias de um mesmo setor. 

Assim, você terá a oportunidade de identificar a companhia que apresenta resultados mais adequados à sua estratégia. No entanto, ao utilizar o indicador, é preciso ter atenção na análise. 

Embora um ROE elevado possa ser interessante, o resultado pode ser derivado de um patrimônio reduzido. Por esse motivo, é necessário avaliar e compreender todo o contexto do negócio, considerando outros indicadores fundamentalistas na análise. 

Quais outros indicadores podem ser analisados junto ao ROE?

Como você viu, o ROE é bastante relevante, mas não é a única ferramenta para usar em uma análise fundamentalista de ações. Afinal, recorrer a apenas um indicador traz uma visão parcial do negócio e do seu posicionamento no mercado.

Veja outros indicadores que podem complementar a sua análise!

Lucro por ação (LPA)

Esse indicador representa o lucro líquido de um período dividido pelo total de ações da empresa. Em geral, um resultado mais elevado indica uma capacidade maior de gerar resultados. Contudo, ele também pode surgir se a companhia tiver um número pequeno de papéis em circulação, por exemplo.

P/L

O P/L é a relação entre o preço da ação e o lucro por ação do período. Então ele demonstra o quanto o mercado está disposto a pagar pelos resultados de uma companhia. Um P/L mais elevado pode indicar que o papel está caro ou sobrevalorizado, enquanto um resultado baixo pode significar que o ativo está descontado.

P/VPA

Já o P/VPA representa a relação entre o preço por ação e o valor patrimonial por ação. De modo semelhante ao P/L, ele indica o interesse do mercado pelo patrimônio de determinada companhia.

DY

O dividend yield (DY) é dado pela relação entre o total de dividendos pago por ação em um período pelo preço do papel. Portanto, ele demonstra qual foi o retorno do investimento na forma desses proventos e ajuda a identificar empresas que são boas pagadoras de dividendos.

Dívida líquida/Patrimônio líquido

Para aproveitar o dado sobre patrimônio líquido, você pode usar o múltiplo baseado nesse indicador e na dívida líquida — que é dada pela dívida bruta menos o caixa da companhia. Assim, é possível compreender o grau de endividamento do negócio e entender melhor seu nível de saúde financeira.

EV

O enterprise value (EV) representa o valor da companhia listada na Bolsa de Valores. Ele é calculado pela soma do valor de mercado da companhia à dívida líquida. Com o EV, você passa a conhecer quanto seria necessário pagar para adquirir toda a empresa, caso ela fosse vendida no momento do cálculo.

Agora você sabe o que significa ROE e por que ele é essencial para analisar as empresas no momento de identificar qual pode ser o melhor investimento. Com esse indicador, você terá mais dados para avaliar se vale a pena aproveitar determinada oportunidade na Bolsa de Valores.


Serviços intermediados por FRAM Capital DTVM S.A.

O conteúdo disponibilizado neste artigo não constitui ou deve ser considerado como conselho, recomendação, oferta ou solicitação de quaisquer produtos ou serviços pela Nomad. Este material tem caráter exclusivamente informativo. Para saber mais, acesse https://nomadglobal.com/legal/


CONHEÇA NOSSAS MÍDIAS SOCIAIS


© 2022 NOMAD. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Juntos com a Nomad

Synapse Drive Wealth logo ourinvest logo fram capital